A SES (Secretaria de Estado de Saúde) aprovou a alocação de recursos para a realização das cirurgias eletivas em 2021. A resolução com a aprovação foi publicada no DOE-MS (Diário Oficial do Estado de Mato Grosso do Sul) desta quinta-feira (25).

Para a homologação, o secretário de Saúde, Geraldo Resende, considerou as decisões da CIB (Comissão Intergestores Bipartite), em reunião que definiu para o exercício de 2021, a estratégia de acesso aos Procedimentos Cirúrgicos Eletivos no âmbito do SUS (Sistema Único de Saúde).

São R$ 4.628.400,70 divididos entre 14 municípios de MS mais um parte da gestão estadual. A resolução é assinada por Resende e pelo presidente do Cosems/MS (Conselho de Secretarias Municipais de Saúde), Rogério Leite.

Confira as cidades que devem receber:

SES aprova alocação de R$ 4,6 milhões em recursos para cirurgias eletivas
Verba distribuída entre os municípios. (Foto: Reprodução)