Política / Transparência

Justiça inicia fase de audiências da Coffee Break

Ação tramita na 2ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos

Aliny Mary Dias Publicado em 18/05/2021, às 18h25

Juiz David de Oliveira Gomes Filho é quem ouve os implicados na ação
Juiz David de Oliveira Gomes Filho é quem ouve os implicados na ação - Foto: Arquivo, Midiamax

Três audiências deram início à fase de depoimentos no processo da Coffee Break, que tramita na Justiça de Mato Grosso do Sul. A ação tem 21 implicados e apura os fatos envolvendo a cassação do ex-prefeito de Campo Grande Alcides Bernal (PP), no ano de 2014.

Foram ouvidos pelo juiz David de Oliveira Gomes Filho, da 2ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, nesta terça-feira (18), o empresário Carlos Naegele e os ex-vereadores Mário César e Flávio César.

O primeiro a ser ouvido na fase de depoimentos seria o ex-governador André Puccinelli (MDB), contudo, decisão do STJ (Superior Tribunal de Justiça) livrou o ex-governador de prestar depoimento nesta manhã.

Dando sequência as oitivas, serão ouvidos pela Justiça nesta quarta-feira (19) Raimundo Nonato, o advogado Luiz Pedro Guimarães, ex-secretário de Finanças do município André Scaff, o vereador Gilmar da Cruz e o ex-vereador José Airton Saraiva.

Jornal Midiamax