Política / Transparência

Mais 4 cidades de MS prorrogam decretos contra avanço do coronavírus 

Com avanço rápido do coronavírus no interior de Mato Grosso do Sul, mais quatro municípios do estado prorrogaram os decretos das medidas de enfrentamento à pandemia.

Dândara Genelhú Publicado em 09/06/2020, às 18h04 - Atualizado em 10/06/2020, às 15h33

Prefeito de Douradina teve candidatura homologada. (Foto: Prefeitura de Douradina/Arquivo).
Prefeito de Douradina teve candidatura homologada. (Foto: Prefeitura de Douradina/Arquivo). - Prefeito de Douradina teve candidatura homologada. (Foto: Prefeitura de Douradina/Arquivo).

Com avanço rápido do coronavírus no interior de Mato Grosso do Sul, mais quatro municípios do estado prorrogaram os decretos das medidas de enfrentamento à pandemia. Os decretos foram publicados no Assomasul (Diário Oficial dos Municípios de Mato Grosso do Sul), nesta terça-feira (09).

Em Camapuã, a Prefeitura Municipal estendeu o decreto que dispõe sobre as medidas de enfrentamento. Entre elas, a prorrogação até 30 de junho das medidas adotadas para funcionários públicos municipais, com mais de 60 anos, gestantes, portadores de doenças crônicas.

O município de Douradina prorrogou até 16 de junho de 2020 todas as medidas de enfrentamento ao coronavírus que a cidade adotou até agora. No decreto novo, foi autorizada a abertura de supermercados, mercados, mercearias, conveniências, frutarias, bares e congêneres aos domingos.

A Prefeitura de Figueirão decretou o uso obrigatório de máscara facial em todo a cidade. Além da nova medida, o município também prorrogou o toque de recolher, barreiras sanitárias e outras formas de combate ao coronavírus.

Sidrolândia mantém a suspensão de eventos públicos e privados em todo o município. E para pessoas do grupo de risco, a Prefeitura Municipal estabeleceu o horário de compra e outros afazeres, que deve ser das 08h às 10h e das 14h às 16h.

Jornal Midiamax