Governo de MS cancela de ativos e suplementa R$ 21,1 milhões a inativos na Ageprev

O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul suplementou R$ 21,1 milhões com pessoal e encargos sociais para garantir os meios de subsistência aos inativos e pensionistas da Ageprev (Agência de Previdência Social). O valor foi cancelado da fonte de recursos que garante o pagamento dos benefícios previdenciários aos ativos por anulação de dotação, […]
| 05/12/2019
- 14:05
(Arquivo
(Arquivo - (Arquivo

O Governo do Estado de suplementou R$ 21,1 milhões com pessoal e encargos sociais para garantir os meios de subsistência aos inativos e pensionistas da Ageprev (Agência de Previdência Social). O valor foi cancelado da fonte de recursos que garante o pagamento dos benefícios previdenciários aos ativos por anulação de dotação, segundo publicação do desta quinta-feira (5).

Na Procuradoria-Geral de Justiça, foram cancelados R$ 100 mil da infraestrutura no âmbito do MPMS (Ministério Público Estadual) por anulação de dotação e suplementados R$ 4,1 milhões para Promoção da Justiça Social para ‘outras despesas correntes’.

Também foram cancelados R$ 1,5 milhão do Refinanciamento da Dívida Pública Contratual Estadual Interna para serem suplementados na Fundação de Cultura de MS para execução de projetos das diversas linguagens artísticas.

Ao todo, foram suplementados R$ 26.992.980,00 e cancelados R$ 26.780.880,00.

 

 

Veja também

Pró-Cidades destinou mais de R$ 83 milhões para obras no Porto Geral de Corumbá, que terão mais R$ 4,3 milhões do município

Últimas notícias