Política / Transparência

Posto pode faturar R$ 3,2 milhões com venda de combustíveis a Prefeitura

Empresa assinou contratos para fornecer combustíveis em Bonito

Joaquim Padilha Publicado em 08/03/2018, às 14h37 - Atualizado em 14/07/2020, às 11h44

None

Empresa assinou contratos para fornecer combustíveis em Bonito

A Prefeitura do município de Bonito, localizado a 298 km de distância de Campo Grande, deverá pagar a um posto de combustíveis da cidade, em um ano, o equivalente a R$ 3,2 milhões para abastecer a frota do município.

Esse é o valor dos três contratos assinados pela Prefeitura com o mesmo posto para fornecimento de gasolina (R$ 681 mil), de óleo diesel comum (R$ 1,3 milhão) e óleo diesel S10 (R$ 1,1 milhão).

Os contratos foram divulgados no Diário Oficial da Assomassul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) desta quarta-feira (7), todos com assinatura do prefeito de Bonito, Odilon Arruda Soares (PSDB).Posto pode faturar R$ 3,2 milhões com venda de combustíveis a Prefeitura

As publicações informam que os valores apontados são o máximo que pode ser gasto com combustível pela Prefeitura no período de vigência dos contratos, que perduram até o dia 31 de dezembro deste ano.

Em consulta ao Portal da Transparência da Prefeitura de Bonito, a empresa faturou R$ 1,4 milhão com a distribuição de combustíveis à administração do município durante todo o ano de 2017.

Jornal Midiamax