MS assina contrato com S.H. de R$ 23 milhões para gestão da frota estadual

Empresa venceu licitação em fevereiro, com zero de taxa
| 18/05/2018
- 17:04
MS assina contrato com S.H. de R$ 23 milhões para gestão da frota estadual

O governo de Mato Grosso do Sul assinou um contrato de R$ 23,3 milhões com a para prestação de serviços de gerenciamento e manutenção da frota de veículos oficiais do Estado.

O extrato do contrato corporativo foi publicado no Diário Oficial desta sexta-feira (18). Segundo a publicação, serão gastos R$ 1,9 milhões por mês com o contrato, ao longo de um ano, para gestão dos 5,4 mil veículos da frota estadual.

Os contratos corporativos geridos pela SAD (Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização) servem para adesão das outras pastas estaduais, que irão assinar novos contratos para manutenção de suas frotas com a empresa.

Conforme o contrato, a S.H. fica responsabilizada pela contratação de manutenções preventivas e corretivas, pelo fornecimento de peças, acessórios e transportes por guinchos.

Todas as operações com os veículos serão monitoradas em um sistema informatizado da empresa. Os serviços serão realizados por empresas credenciadas à rede da S.H.

Zero de taxa

A S.H. venceu licitação para prestação dos serviços de gestão da frota ainda em fevereiro deste ano. A licitação foi orçada em até R$ 48,3 milhões que poderiam ser gastos com a manutenção dos veículos em um ano.

A empresa conseguiu vencer a licitação ofertando uma taxa administrativa de 0% pelos trabalhos prestados. Apesar da taxa zero, a empresa ainda assim consegue obter lucro a partir das taxas com as empresas conveniadas, segundo seus representantes.

Contratos milionários

A S.H. possui experiência em vencer licitações do governo do Estado. Foi ela a vencedora do contrato anterior de gestão de frota do Estado, de 2013, que expirou no último ano, e rendeu dezenas de milhões de reais à empresa.

Só no ano passado, o total de despesas com a empresa foi de R$ 12,3 milhões, segundo o Portal da Transparência. Em 2016, foram outros R$ 11 milhões, enquanto no ano anterior haviam sido mais R$ 8,4 milhões. (Matéria editada às 13h50 para correção de informação)

Veja também

Resultado da licitação da pavimentação foi publicado no Diário da Assomasul

Últimas notícias