Política / Transparência

A sete dias das eleições, MS tem 344 candidaturas indeferidas

São 23 candidatos a prefeito ou vice, além de 321 a vereador

Norberto Liberator Publicado em 25/09/2016, às 12h28

None
indeferido.jpg

São 23 candidatos a prefeito ou vice, além de 321 a vereador

Na reta final de campanha, milhares de candidatos com registros negados ou cancelados pela Justiça Eleitoral estão na disputa do primeiro turno das eleições. No Brasil inteiro são 13.856 com candidaturas indeferidas, sendo 344 em Mato Grosso do Sul. Eles podem ser eleitos devido aos recursos que usam para questionar decisões dos tribunais, mas correm risco de ter o mandato interrompido ou não assumir caso o veredito seja confirmado após passar por todas as instâncias.

As candidaturas indeferidas foram rejeitadas por algum tipo de irregularidade que os impediria de continuar na disputa, mas entraram com recursos e aguardam o julgamento nos TREs (Tribunais Regionais Eleitorais) ou no TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Como a decisão ainda não é definitiva, eles aparecerão com votação zerada após a apuração das urnas no próximo domingo (2), mas poderão saber o número de votos que receberam, já que os dados são divulgados paralelamente.

O jornal O Globo, que apurou as informações, fez um mapa onde as candidaturas indeferidas pela Justiça aparecem por estados. Assim, é possível saber quantos estão nessa situação em cada unidade da Federação.

Mato Grosso do Sul tem 23 candidatos a prefeito ou vice com candidatura indeferida, além de 321 candidatos a vereador. Os eleitores podem conferir quem são eles, pesquisando os dados de todas as cidades no divulgacand, sistema do TSE. Também é possível acessar dados sobre gastos de campanha e estatísticas das candidaturas.

(Supervisão Jéssica Benitez)

Jornal Midiamax