Política / Transparência

Mais servidores têm gratificações reduzidas pela Prefeitura da Capital

Redução faz parte da ações para diminuir tamanho da folha

Midiamax Publicado em 15/04/2015, às 16h07

None
wilson_do_prado.jpg

Redução faz parte da ações para diminuir tamanho da folha

Mais oito servidores municipais tiveram gratificações reduzidas, conforme publicado nesta quarta-feira (15) no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande). Eles engrossam a lista de outros 203 que também tiveram benefícios parcialmente cortados, como parte da ação do Executivo para reduzir os custos da folha de pessoal.

Os decretos de retificação publicados hoje incluem servidores da Secretaria Municipal de Administração. Eles tiveram a chamada ‘gratificação de representação’ reduzida a percentuais entre 60% e 80%.

A maioria dos casos publicados hoje engloba servidores enquadrados no símbolo DCA-4, com salário de R$ 1.984 – com a gratificação, recebem na faixa dos R$ 3,5 mil. Outro caso é de assessor da mesma pasta, símbolo DCA-1, que com abono de 80% tem vencimentos na casa dos R$ 9 mil.

No começo do mês, o secretário municipal de Administração, Wilson do Prado, revelou que a Prefeitura precisa cortar R$ 20 milhões da folha. Começaria por fazer o que chama de “ajuste” nas gratificações dos comissionados – de um total de 1.057 nesta situação, há 540 servidores efetivos que recebem comissões por ocuparem cargos de comando.

Jornal Midiamax