Empresas terão benefícios para investir R$ 245 milhões e criar 1,7 mil empregos

Deliberação do MS-Indústria atinge 15 companhias
| 23/07/2015
- 20:38
Empresas terão benefícios para investir R$ 245 milhões e criar 1,7 mil empregos

Deliberação do MS-Indústria atinge 15 companhias

O Governo do Estado concedeu benefícios fiscais para quatro novas empresas e ampliou a concessão para outras 11. Somando novos investimentos aos adicionais, as cifras passam dos R$ 245 milhões. Entre novos e futuros são previstos 1.783 empregos diretos, além dos já gerados pelas companhias que tiveram incentivos ampliados.

A Cargill Agrícola é detentora do maior investimento total, com R$ 216,6 milhões. A indústria, que conseguiu ampliação, é especializada em produção de biodiesel, glicerina e farelo de soja. Atualmente 273 pessoas estão empregadas e outras 35 vagas serão abertas.

A Facchini, que atua em implementos rodoviários e agrícolas, com prédio físico em Campo Grande e Aparecida do Taboado, deve gerar 80 empregos diretos. As informações são do , publicado nesta quinta-feira.

Por outro lado, três empresas perderam os benefícios, A Usina de Açúcar e Álcool Três Lagoas Ltda manifestou desistência na implantação da indústria. Já Dourados Álcool e Açúcar Ltda, não programou unidade industrial. Por fim, a Agroenergia, que também atua na industrialização do Álcool e Açúcar, com sede em Campo Grande, manifestou desistência na implantação da indústria.

As medidas constam no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (23). Constam de deliberação do Fórum Deliberativo do MS-Indústria, da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico.

Veja também

No entanto, a Sanesul deverá se atentar para condições do Tribunal

Últimas notícias