Política / Transparência

Empresa que acaba de ganhar licitação da Prefeitura é punida pelo Detran

Restaurante está proibido de licitar com órgão estadual por um ano

Midiamax Publicado em 16/07/2015, às 17h20

None
fachada_detran_luiz_alberto.jpg

Restaurante está proibido de licitar com órgão estadual por um ano

O Detran (Departamento Estadual de Trânsito) decidiu punir uma empresa por descumprimento de contrato, proibindo-a de participar de licitações do órgão pelo período de um ano. Mas nem só de notícias ruins vive a firma: ela acaba de ganhar uma disputa para prestar serviços à Prefeitura de Campo Grande.

As situações em questão envolvem a Palladares Restaurante, de Campo Grande. Conforme portaria publicada no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (16), ela está proibida de contratar com o Detran por um ano.

Isso porque a empresa “descumpriu a obrigação de fornecer os serviços com a qualidade contratada”. Além disso, questionada sobre o assunto pelo Detran, “quedou-se inerte” e não apresentou defesa à notificação de intenção de suspensão temporária de participar de licitações.

O contrato em questão é o número 3866. Foi assinado em agosto de 2014 e tinha validade de um ano, ao custo de R$ 126 mil, conforme informações publicadas em Diário Oficial do Estado.

Esta mesma empresa acaba de vencer uma concorrência para atender a Prefeitura da Capital. Conforme aviso publicado no dia 13 de julho no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande), a Palladares foi vencedora do pregão presencial número 099.

A empresa também mantém outro contrato com o Poder Público municipal. O de número 397, de 14 de outubro de 2011, acaba de sofrer seu quinto termo aditivo, sendo renovado por mais três meses, mantendo-se em vigor até outubro próximo.

Jornal Midiamax