Política / Transparência

Chefe pune 22 guardas municipais de Campo Grande com advertências e suspensões

Sete guardas foram punidos com advertências e 15 com suspensões 

Midiamax Publicado em 08/04/2015, às 15h43

None
gm.jpg

Sete guardas foram punidos com advertências e 15 com suspensões 

O chefe da Guarda Municipal de Campo Grande, Valério Azambuja, puniu 22 servidores com advertências e suspensões, segundo divulgado no Diário Oficial da Capital desta terça-feira (7).

Sete guardas foram punidos com advertências e 15 com suspensões que variam de dois a seis dias de afastamento do trabalho.

As justificativas para as punições são a falta de assiduidade, não observar as normas regulamentares e não manter conduta compatível com a moralidade administrativa. 

Jornal Midiamax