Política / Pimenta

Trena de ouro

Já estão adiantadas as conversas para privilegiar categoria estratégica com manobra que pode driblar pandemia, crise e até restrições que atingem servidores em todo o país. Reunião nesta segunda deve selar o acordo que, na prática, pretende promover transformação de cargos para oficializar fatia do bolo para galera que sabe de tudo e acompanha ‘milímetro […]

Da Redação Publicado em 11/05/2020, às 10h12 - Atualizado às 10h20

None
Imagem: Ilustrativa.

Já estão adiantadas as conversas para privilegiar categoria estratégica com manobra que pode driblar pandemia, crise e até restrições que atingem servidores em todo o país. Reunião nesta segunda deve selar o acordo que, na prática, pretende promover transformação de cargos para oficializar fatia do bolo para galera que sabe de tudo e acompanha ‘milímetro a milímetro’ para onde o vento sopra.

Donos das chamadas ‘trenas de ouro’ dão como certa a mudança e já contabilizam aumentos nos ganhos e penduricalhos que receberiam em troca de ‘boa vontade’ no duro ofício de mensurar.

Só que o preceito constitucional da imperatividade do concurso público, aparentemente atropelado nas conversas, será usado para dificultar a farra. Já tem gente separando jurisprudência porque as medidas transformatórias não podem passar por cima da Constituição com ‘mudança substancial’ de atribuições ou requisito de provimento, grau de escolaridade e remuneração…

Jornal Midiamax