A Defensoria Pública de Mato Grosso do Sul fez parte do Seminário Internacional de Segurança Pública, Direitos Humanos e Democracia, promovido pelo Iree (Instituto para Reforma das Relações entre Estado e Empresa) e IDP (Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa), nos últimos dias 06 e 07 de junho, em Brasília.

Conforme a Defensoria, a instituição foi representada pelo coordenador da 12ª Regional de Chapadão do Sul, defensor público Giuliano Stefan Ramalho, recepcionado pelo coordenador do evento, Walfrido Warde, e se encontrou com o ministro dos Direitos Humanos e Cidadania, Silvio de Almeida, palestrante do encontro internacional.

“O evento ofereceu uma rica programação de palestras, debates e reflexões a todos os participantes sobre as maneiras de aperfeiçoamento da prestação de segurança pública no Brasil. A implementação do Sistema Único de Segurança Pública (Susp) nos moldes do Sistema Único de Saúde (SUS) e do Sistema Único de Assistência Social (Suas), com a necessidade urgente de rearticulação de competências constitucionais da segurança pública foi ponto central no seminário”, destaca o defensor.

Ainda de acordo com a Defensoria, o encontro também deu visibilidade para como a nacionalização do problema da segurança pública e o caráter transnacional da atuação de organizações criminosas exigem a atuação conjunta da União, Estados e Municípios na realização da segurança pública, conforme ressalta o coordenador, que esteve, ainda, com o frade dominicano, jornalista e escritor Frei Betto.