Política / Justiça

Justiça indicia 4 pessoas relacionadas com ataque a shopping no Quênia

A justiça do Quênia indiciou nesta segunda-feira quatro homens envolvidos no ataque ao shopping Westgate de Nairóbi em setembro passado, reivindicado por islamitas somalis, e no qual morreram ao menos 67 pessoas. Os quatro se declararam inocentes das acusações, entre elas apoio a grupo terrorista, entrada ilegal em território queniano e obtenção de documentos falsos. […]

Arquivo Publicado em 04/11/2013, às 13h31

None

A justiça do Quênia indiciou nesta segunda-feira quatro homens envolvidos no ataque ao shopping Westgate de Nairóbi em setembro passado, reivindicado por islamitas somalis, e no qual morreram ao menos 67 pessoas.


Os quatro se declararam inocentes das acusações, entre elas apoio a grupo terrorista, entrada ilegal em território queniano e obtenção de documentos falsos. Nenhum deles é acusado de ser autor material do ataque.


Os quatro acusados, que são somalis, se chamam Mohammed Ahmed Abdi, Liban Abdullah, Adan Adan e Hussein Hassan.


Os suspeitos, que não têm advogado, permanecerão detidos porque a promotoria pediu mais tempo para continuar com suas investigações.


Todos os criminosos envolvidos no massacre de Westgate – quatro ao invés dos 12 assinalados inicialmente – morreram no ataque, que durou quatro dias.

Jornal Midiamax