Política / Bastidores

[ BASTIDORES ] Vacina dourada e troca de farpas

None

Exclusivas para fronteira

Todo o impasse gerado entre prefeituras de MS e o Governo do Estado envolvendo destinação de 49 mil doses da vacina Janssen para municípios de fronteira ainda rende nos bastidores.

De ouro

Primeiro, toda a revolta envolvendo as doses, principalmente por parte do município de Campo Grande tem muita relação com a classificação da vacina. Considerada 'ouro' por muitos especialistas por exigir apenas a aplicação de uma dose, a vacina agiliza o processo de cobertura vacinal das cidades.

Quase judicializou

A frustração envolvendo o envio das doses para cidades que não conseguiram atrair moradores a serem vacinados foi parar até no Ministério Público.

Críticas

O desentendimento entre município e Governo fez até com que gestores engrossassem o tom crítico do discurso e as trocas de farpas foram constantes na semana que passou.

De volta

Mas teve resultado. Diante da dificuldade de prefeituras em encontrar população alvo disposta a se vacinar, parte das doses destinadas para a fronteira foram remetidas a Campo Grande e serão usadas em abertura de novo público, provavelmente dos 40 anos, nesta terça.

Comeu Barriga

Em publicação no Twitter na manhã da última segunda-feira (5), a senador de Mato Grosso do Sul, Simone Tebet (MDB), admitiu que "comeu barriga", ou seja, "ficou para trás", como se diz no jargão jornalístico em relação a exoneração polêmica no Planalto.

Caiu pra cima

Tebet se referiu ao secretário executivo do ex-ministro Pazuello, Élcio Franco, um dos investigados no esquema de propinas na negociação da Covaxin, na CPI da Covid. Ele teria "caido para cima".

Nova casa

Isso porque Franco - desligado do Ministério - não ficou a ver navios: ele foi parar na Assessoria Especial da Casa Civil.

Será?

“E o Roberto, será uma questão de ‘mais Dias, menos Dias’?”, pontuou a senadora, fazendo trocadilho com o nome de Roberto Dias, ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde, exonerado da mesma pasta no último dia 29. Acompanhamos.

Jornal Midiamax