Nesta quarta-feira (30), o PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira) anunciou o governador Eduardo Leite como novo presidente do partido. Ele deve assumir a presidência nacional da legenda a partir de fevereiro de 2023.

“No dia 2 de fevereiro do próximo ano, quinta-feira, com a posse do novo Congresso, iniciaremos os trabalhos da nova Executiva Nacional do PSDB”, publicou o partido. Então, “a presidência do partido será transmitida ao governador eleito do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite”.

O atual presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, assinou a nota. O partido informou que o “compartilhamento de decisões para o planejamento da futura gestão” será iniciado na próxima semana. “Nesse período construiremos uma representação coletiva para a próxima Executiva”, finalizou.

Eduardo Leite, eleito para governar o estado de Rio Grande do Sul, disse que atendeu “ao chamado feito por lideranças do meu partido”. Ele afirmou que possui disposição para liderar o PSDB a partir de fevereiro do próximo ano.

Por fim, disse que aceitou a presidência “em condição e formato que não prejudiquem a atuação que os gaúchos esperam de mim como seu governador – o que é absoluta prioridade”.