Evento do PT em 2 de julho deve confirmar candidaturas majoritárias e proporcionais

Neste sábado (11), encontro do PT reúne lideranças do Estado
| 11/06/2022
- 10:49
PT
Evento do PT. Ao centro, em pé, o presidente do partido em MS, Vladimir Ferreira. - (Foto: Leonardo de França, Jornal Midiamax).

O PT de Mato Grosso do Sul marcou para 2 de julho encontro estadual do partido, segundo o presidente estadual, Vladimir Ferreira. Neste sábado (11), lideranças regionais participam de em Campo Grande para discutir programa de governo a conjunturas das eleições de 2022.

Já a reunião do dia 2 será para definições mais certeiras quanto às candidaturas majoritárias e proporcionais. Até então, a advogada Giselle Marques é pré-candidata do PT ao Governo de Mato Grosso do Sul e o professor Tiago Botelho é pré-candidato ao Senado.

"Nós temos o diferencial da federação com o PC do B e PV. Nós temos que construir junto com eles". Além da parceria fechada, ainda há diálogo com a Rede de Mato Grosso do Sul, que pode ser preponderante para definições tanto de vice, quanto às vagas de candidatos a deputados estaduais e federais.

Encontro do PT em Campo Grande

A reunião entre lideranças petistas faz parte do calendário de eventos em Mato Grosso do Sul, com objetivo de reunir a região central do Estado. É o penúltimo encontro regional, o último será em Jardim, afirma o dirigente.

"Estamos discutindo as conjunturas nacional e estadual, além das eleições de 2022, programa de governo e a política de aliança que estamos construindo".

Participam da reunião dos deputados estaduais Pedro Kemp e Amarildo Cruz, além do deputado federal Vander Loubet. Os vereadores Airton Araújo e também estão previstos.

Veja também

O juízo da Vara de Falências, Recuperações, Insolvências e Cartas Precatórias Cíveis de Campo Grande...

Últimas notícias