O ex-governador de Mato Grosso do Sul, Zeca do PT, está em São Paulo, nesta quarta-feira (8), onde permanece pelo menos até o fim de semana para conversas com o ex-presidente (PT). O intuito, segundo a liderança petista de MS, é discutir sua pré-candidatura, além de outros assuntos, incluindo eventual parceria com outros partidos.

Segundo Zeca, Lula tem conversado constantemente com o presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, que esteve em no sábado (5), para o lançamento do prefeito como pré-candidato ao governo estadual. O ex-governador reforçou, ainda, que não se encontrou com Trad, mas que o ‘isolamento político dele' não é bom.

Entre os dois partidos existe expectativa para formação de uma federação partidária. Se isso ocorre nacionalmente, as alianças se replicam nos Estados, o que pode resultar em chapa com o prefeito Marquinhos Trad ao governo, por exemplo, e o ex-governador como candidato ao Senado, neste cenário.

No entanto, até mesmo por não haver federação confirmada, de acordo com o presidente do PT em MS, Vladimir Ferreira, encontro entre as lideranças partidárias na segunda-feira (7) serviu para ‘consolidação da candidatura do Zeca ao governo' e que não há conversas com o atual prefeito de Campo Grande.

“Ele está indo falar com a presidente Gleice Hoffman e Lula para tratar justamente sobre isso, a consolidação de sua pré-candidatura. Vamos fazer uma série de encontro regionais, nesta perspectiva”.