Reeleito em Três Lagoas, Guerreiro lembra da última gestão e dificuldades da pandemia

Reeleito como prefeito da cidade, Ângelo Guerreiro (PSDB) destacou a última gestão e as preocupações com a pandemia do coronavírus.
| 01/01/2021
- 18:47
Reeleito em Três Lagoas, Guerreiro lembra da última gestão e dificuldades da pandemia
Foto: Reprodução | Prefeitura de Três Lagoas. - Foto: Reprodução | Prefeitura de Três Lagoas.

Foi realizada nesta sexta-feira (1º) a sessão de posse do prefeito, vice-prefeito e vereadores eleitos em Três Lagoas, município a 326 km de distância de Campo Grande. Reeleito como prefeito da cidade, Ângelo Guerreiro (PSDB) destacou a última gestão e as preocupações com a do .

A cerimônia foi realizada com medidas de biossegurança devido à pandemia do coronavírus. Assim, a solenidade foi transmitida nas redes sociais da Prefeitura Municipal. Guerreiro venceu as eleições 2020 com 63,92% dos votos, ou seja 33.331. No discurso de posse, o reeleito agradeceu aos vereadores, vice-prefeito e a população.

Sobre a gestão anterior, o prefeito afirmou que “não foi fácil”. O gestor municipal ainda disse que alertas do Legislativo para o Executivo são necessárias para uma melhor gestão. Entretanto, devem possuir “fundamento, para não haver desgaste”.

Então, aproveitando a sessão, Guerreiro lembrou que a cidade é uma das com mais mortes causadas pelo coronavírus no Estado. “A pandemia não acabou, apesar de ter dado essa sensação. Na verdade, ela está piorando, avançado rapidamente e já tirou a vida de milhões de pessoas, inclusive de 60 três-lagoenses”.

Por fim, pediu a colaboração da população com “as ações de prevenção e enfrentamento do avanço desse inimigo invisível”.

Vice-prefeito e vereadores

Já o vice-prefeito Paulo Salomão (DEM) fez uso da palavra para destacar a necessidade de união entre os poderes. “O Executivo e Legislativo, eles cuidam tanto de três Lagoas, mas também cuidam da Costa Leste. Quem aqui já não sabe quantas pessoas vem para a nossa cidade procurar saúde, oportunidade, escola, assistência social”, lembrou.

Assim, destacando a macrorregião do município, o vice afirmou que é preciso manter os trabalhos de assistência durante a pandemia.

Representando os 17 vereadores três-lagoenses, Cassiano Maia (PSDB) também ressaltou a necessidade de continuar o combate e prevenção ao coronavírus. Além disto, afirmou os eleitos e reeleitos devem “fazer uma câmara independente e responsável para que os anseios e necessidades do povo sejam ouvidas e atendidas na medida do possível”.

Veja também

Rogério Bezerra está preso há quatro anos e ainda recebe o salário integral mensalmente

Últimas notícias