Política

Filho gêmeo de 3 anos de vereador é operado após ser baleado e amigos pedem orações em MS

Vereador Mauro Ortiz (PSDB) é pastor em Ponta Porã

Renata Volpe e Marcos Morandi Publicado em 19/04/2021, às 08h33

Vereador de Ponta Porã e também pastor, Mauro Ortiz
Vereador de Ponta Porã e também pastor, Mauro Ortiz - Instagram, Divulgação

O filho gêmeo de 3 anos do pastor e vereador de Ponta Porã, Mauro Ortiz (PSDB) passou por cirurgia para retirar de um projetil no peito. O menino foi atingido por um tiro de pistola na noite do último domingo (18), em atentando sofrido pelo pai do garoto. 

A criança está internada na enfermaria pediátrica do Hospital Regional de Ponta Porã e se recupera no pós operatório. O menino passou por uma cirurgia exploratória para a retirada de um projetil e o quadro de saúde é estável, sem a necessidade de transferência para outra unidade hospitalar.

O menino estava chegando em casa com o pai na noite de ontem quando um homem teria feito vários disparos contra eles. Ferido no tórax a criança foi socorrida e levada para o HR e operada em seguida. A Polícia Civil de Ponta Porã investiga o caso e não informou ainda se o vereador Mauro Ortiz já foi ouvido ou se há suspeito pelo crime

Amigos e fiéis do pastor pedem oração para o filho dele, de apenas 3 anos, atingido por um tiro de pistola no peito, na noite do último domingo (18).

Nas redes sociais de Ortiz, os amigos se solidarizam com o acontecimento e pedem oração ao filho dele. O menino foi atingido durante um atentado na casa do vereador. 

Uma das postagens de uma amiga do vereador, diz: “Acordei hoje com essa péssima notícia, mas tenho certeza que o Senhor já entrou com providência. O Senhor é contigo pastor Mauro Ortiz e família. O Senhor honra a quem tem honra”.

Em outro comentário, outro amigo de Mauro comenta: “Força meu amigo. Eu e  minha casa estamos em oração pela sua família”. 

Atiradores fizeram vários disparos de pistola, que atingiram o portão da residência, como também a criança que foi ferida no peito por um disparo.

A criança foi socorrida e levada para o hospital da cidade onde passou por cirurgia e de acordo com informações do Ponta Porã News, o menino deve ser transferido para outro hospital do Estado. O vereador usou as redes sociais para informar aos membros de sua igreja que o filho havia sido ferido.: “Irmãos eu estava em casa e dispararam um monte de tiros na minha casa, o meu filho foi atingido”, disse.

Jornal Midiamax