Política

Secretário de Saúde de MS descobre que mudou de seção somente ao chegar para votar

Secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, passou por uma situação inusitada ao chegar ao seu colégio eleitoral, em Dourados, distante 230 km de Campo Grande.  Resende, que tem 65 anos e integra o grupo de risco da covid-19, chegou para votar em sua seção eleitoral, mas seu nome não foi encontrado na lista daquela sala. […]

Fábio Oruê Publicado em 15/11/2020, às 07h54 - Atualizado às 08h15

Secretário de Saúde descobriu que seção de votação foi trocada quando chegou para votar. (Foto: Marcos Morandi, Jornal Midiamax)
Secretário de Saúde descobriu que seção de votação foi trocada quando chegou para votar. (Foto: Marcos Morandi, Jornal Midiamax) - Secretário de Saúde descobriu que seção de votação foi trocada quando chegou para votar. (Foto: Marcos Morandi, Jornal Midiamax)

Secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, passou por uma situação inusitada ao chegar ao seu colégio eleitoral, em Dourados, distante 230 km de Campo Grande. 

Resende, que tem 65 anos e integra o grupo de risco da covid-19, chegou para votar em sua seção eleitoral, mas seu nome não foi encontrado na lista daquela sala. Para resolver a situação, o presidente da seção informou que o secretário teria que ligar na Justiça Eleitoral. 

O secretário, então, descobriu que sua seção havia mudado, ainda no mesmo colégio eleitoral, na EE Presidente Vargas. Para evitar aglomerações no locais de votação, a Justiça Eleitoral mudou locais de votação. 

Para conferir a Zona Eleitoral e seção, o eleitor pode acessar por meio do aplicativo E-Título ou consultar no site do TSE (Tribunal Superior Eleitoral). A votação, neste domingo (15) vai de 7h às 17h, por conta da pandemia. O horário de 7h às 10h é preferencial para pessoas acima dos 60 anos.

Jornal Midiamax