Política

Em primeira parcial, interino larga na frente em disputa pela prefeitura de Miranda

Foi divulgado a pouco pelo TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) a primeira parcial das eleições suplementares para prefeito em Miranda – cidade localizada a 203 km de Campo Grande. O prefeito interino Edson Moraes (Patri) largou na frente dos demais adversários. Com 14 das 78 sessões apuradas, ele acumula 1.485 votos, […]

Nyelder Rodrigues Publicado em 06/10/2019, às 17h31 - Atualizado às 17h37

None

Foi divulgado a pouco pelo TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) a primeira parcial das eleições suplementares para prefeito em Miranda – cidade localizada a 203 km de Campo Grande. O prefeito interino Edson Moraes (Patri) largou na frente dos demais adversários.

Com 14 das 78 sessões apuradas, ele acumula 1.485 votos, ou seja, 61,36% dos votos válidos. Valter Ferreira, o Nego (DEM), aparece na sequência, com 767 votos – o que representa 31,69% dos votos válidos.

O vereador Jorginho Cordella (SD) aparece em terceiro, com apenas 97 votos, seguido pelo trabalhador rural Zé Lopes (PV), que tem 71 votos (2,93% do total válido). Ainda restam 80,56% das urnas a serem apuradas.

Jornal Midiamax