Jornalista é obrigado a doar 30 cestas básicas após divulgar celular de Gilmar Mendes

Ministro e repórter entraram em acordo judicial
| 15/05/2018
- 12:56
Jornalista é obrigado a doar 30 cestas básicas após divulgar celular de Gilmar Mendes

O jornalista Claudio Dantas, do site O Antagonista, deverá doar 30 cestas básicas a uma organização civil, como pena por ter divulgado o número do celular do ministro , do STF (Supremo Tribunal Federal).

Mendes entrou com um processo por danos morais contra o jornalista após ele ter divulgado o contato pessoal do ministro pelo Twitter. Segundo a colunista Mônica Bergamo, os dois entraram em acordo judicial.

Pelo acordo, o repórter deverá doar as cestas básicas à instituição Casa da Mãe Preta do Brasil, de Brasília. Na ação, Mendes “concorda” com a doação e “a tem como recomposição dos danos morais que entende haver sofrido”.

O jornalista divulgou o celular de Mendes em postagem no Twitter em dezembro. Na publicação, Cláudio convidava seus seguidores a desejarem um “Feliz Natal” ao magistrado.

A postagem foi apagada no mesmo dia, mas uma reprodução da publicação continuou circulando pelas redes sociais. Por conta da divulgação, o ministro chegou a cancelar a linha telefônica de seu aparelho.

Veja também

Concorrência foi aberta para fazer a troca de piso tátil, vidros, calçadas, torneiras, pinturas e outras adequações na unidade

Últimas notícias