Política

Com afastamento, Sergio Martins preside TRE-MS temporariamente

O afastamento da desembargadora Tânia Garcia de Freitas Borges de suas funções na terça-feira (9), alterou a presidência do TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral) de forma momentânea. O desembargador Sergio Fernandes Martins é quem está tomando partido das decisões nesta semana. O vice-presidente do Tribunal, João Maria Lós está de licença médica e deve retornar as […]

Vinícius Costa Publicado em 10/10/2018, às 14h35 - Atualizado em 11/10/2018, às 10h52

None

Com afastamento, Sergio Martins preside TRE-MS temporariamenteO afastamento da desembargadora Tânia Garcia de Freitas Borges de suas funções na terça-feira (9), alterou a presidência do TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral) de forma momentânea. O desembargador Sergio Fernandes Martins é quem está tomando partido das decisões nesta semana.

O vice-presidente do Tribunal, João Maria Lós está de licença médica e deve retornar as suas atividades na próxima semana, assumindo a cadeira da presidência.

A assessoria de imprensa do TRE/MS afirmou que não foi notificado oficialmente sobre o afastamento da desembargadora e que não há nenhuma previsão sobre divulgar nota oficial ou comentar sobre o caso.

Afastamento

Na tarde desta terça (9), o CNJ (Conselho Nacional de Justiça) por meio do relator Humberto Martins, determinou o afastamento da desembargadoraTânia Garcia de Freitas Borges por entender que ela teria “beneficiado” seu filho que estava preso.

Com a aprovação do CNJ, a corregedoria pediu o afastamento do cargo de desembargadora e da presidência do Tribunal até que seja concluído o processo disciplinar.

Jornal Midiamax