Política

Candidato pelo PSL, Coronel David alertou Bolsonaro sobre violência há 10 dias

Candidato a deputado estadual pelo PSL, mesmo partido de Jair Bolsonaro, Coronel David disse ao Jornal Midiamax que a campanha do presidenciável será reavaliada e deve sofrer algumas alterações após ataque sofrido nesta quinta-feira (6). David esteve com Bolsonaro há 10 dias durante uma agenda política no interior de São Paulo e diz ter alertado […]

Aliny Mary Dias Publicado em 06/09/2018, às 16h25 - Atualizado em 07/09/2018, às 10h05

None

Candidato pelo PSL, Coronel David alertou Bolsonaro sobre violência há 10 diasCandidato a deputado estadual pelo PSL, mesmo partido de Jair Bolsonaro, Coronel David disse ao Jornal Midiamax que a campanha do presidenciável será reavaliada e deve sofrer algumas alterações após ataque sofrido nesta quinta-feira (6). David esteve com Bolsonaro há 10 dias durante uma agenda política no interior de São Paulo e diz ter alertado o presidenciável sobre riscos.

Ex-comandante da Polícia Militar, Coronel David afirma que recentemente quando conversou com o presidenciável o alertou sobre a violência. “Eu disse para ele tomar mais cuidado, ele já estava andando com segurança da Polícia Federal, mas mesmo assim eu disse que tinha que ter muito cuidado”.

O candidato a deputado afirma que todos políticos tomam cuidado durante a campanha eleitoral, principalmente no corpo a corpo, quando há mais exposição, no entanto, ninguém esperava que um ato de violência pudesse acometer Bolsonaro.

“Certamente que agora a campanha vai sofrer algumas alterações até por conta de aumento da segurança, tudo isso tem que passar por uma avaliação”, conta.

David afirma, ainda, que interrompeu seus compromissos de campanha nesta quinta-feira (6) e que se reunirá com a presidência do partido para debater sobre os novos rumos da campanha.

Jornal Midiamax