Política

Ronaldinho Gaúcho será candidato a senador em partido de Bolsonaro

Candidatura foi confirmada por presidente do PEN

Joaquim Padilha Publicado em 14/12/2017, às 14h32

None

Candidatura foi confirmada por presidente do PEN

O presidente nacional do PEN, Adilson Barroso, afirmou nesta quinta-feira (14) que confirmou verbalmente com o ex-jogador Ronaldinho Gaúcho uma candidatura nas próximas eleições, para o cargo de senador.

O partido é o mesmo ao qual o candidato à presidência da República, Jair Bolsonaro (PSC), pretende se filiar para concorrer no ano que vem. A filiação de Ronaldinho foi anunciada pelo UOL Esporte.

Gaúcho irá se candidatar como senador pelo Estado de Minas Gerais. Segundo o irmão de Ronaldinho, Roberto de Assis, esta não é a primeira vez que o ex-jogador é procurado por um partido para disputar as eleições.Ronaldinho Gaúcho será candidato a senador em partido de Bolsonaro

“O partido nos procurou para conversar sobre a possibilidade de candidatura do Ronaldo. Eles deixaram as portas abertas caso ele queira seguir a carreira pública”, explicou Assis. Ele diz que é possível que o ex-jogador mude sua opção para deputado.

Barroso, presidente do PEN, disse que o partido se atraiu por Ronaldinho por seu histórico. “Você nunca ouviu falar de alguma coisa errada dele. O Ronaldinho não é polêmico. É um cara de juízo, de ética e caráter”, disse.

Jornal Midiamax