Política

Marquinhos diz que Estado deveria repassar mesmo valor à Santa Casa

Prefeito alegou divisão injusta de custos

Evelin Cáceres Publicado em 10/08/2017, às 14h19

None

Prefeito alegou divisão injusta de custos

Prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD) reclamou nesta quinta-feira (10) da diferença entre os repasses de valores da Prefeitura e do Estado à Santa Casa durante agenda pública.

Questionado por repórteres, o prefeito disse que sempre que vai ao hospital pergunta de onde a pessoa é. “Em todas as vezes são 60% do interior e apenas 40% da Capital. Por que então a Prefeitura tem que repassar R$ 5 milhões e o Estado R$ 2,5 milhões?”.Marquinhos diz que Estado deveria repassar mesmo valor à Santa Casa

Para Marquinhos, é necessário ao menos igualar os valores. “Enquanto a Santa Casa atende um município nosso com esse repasse, o Estado tem outras 78 cidades sendo atendidas por um repasse menor. Por que a gente dá o dobro? Quem é maior: o Estado ou o município?”, questionou.

Segundo a direção da Santa Casa, o hospital recebe em média R$ 23 milhões, deste valor R$ 20,2 milhões são de repasses feitos pelo Ministério da Saúde, governo do Estado e Prefeitura. O restante é adquirido por meio de convênios e atendimentos particulares.

Jornal Midiamax