Política

Advogado e ex-candidato a deputado, namorado de vereadora ganha cargo na Câmara

Ela não vai se pronunciar sobre o assunto

Jessica Benitez Publicado em 25/01/2017, às 19h15

None
vereadora.jpeg

Ela não vai se pronunciar sobre o assunto

O advogado Anderson Guimarães, 42 anos, ex-candidato a deputado estadual e namorado da vereadora Dharleng Campos (PP), foi nomeado para atuar na Câmara Municipal de Campo Grande, conforme decreto do dia 10 de janeiro. De acordo com a assessoria de imprensa da progressista, que atendeu o celular da parlamentar, haverá reunião com a equipe e só nesta quinta-feira (26) será emitida nota por parte da parlamentar.

A nomeação foi para o cargo de assessor parlamentar III símbolo APCM-104. De acordo com tabela de remuneração de 2016 do portal da transparência na Casa de Leis, a função tem remuneração de R$ 2.032,00 contudo, conforme consta no documento, pode haver até 200% de gratificação, ou seja, o valor pode chegar a mais de R$ 6 mil.

A bonificação é garantida pela Resolução n. 937, de 27 de abril de 1995. Vale ressaltar que as nomeações feitas em 2017, bem como a tabela de salários referentes a este ano, ainda não foram disponibilizadas no site da Câmara. Advogado e ex-candidato a deputado, namorado de vereadora ganha cargo na Câmara

A publicação no Diário Oficial é assinada pelo presidente do Legislativo, João Rocha (PSDB) e não diz para qual gabinete o advogado irá. Ainda de acordo com assessoria da vereadora, ela está focada nas agendas e nota sobre o assunto será veiculada quando achar necessário.

A apuração da reportagem do Jornal Midiamax indica que o relacionamento dos dois vem do tempo em que trabalharam juntos na gestão de Bernal. Os dois, segundo foi apurado, vivem juntos. Fotos nas redes sociais mostram Anderson e Dharleng juntos em eventos familiares.

Por meio das redes sociais e telefone fixo, a reportagem tentou contato com Anderson, porém sem sucesso. A nomeação feita no dia 10 e tem validade retroativa a contar do dia 1º de janeiro deste ano. Dharleng foi secretária na gestão do ex-prefeito Alcides Bernal (PP).

O presidente da Câmara foi procurado, mas está em viagem a São Paulo. A assessoria de imprensa dele foi indagada sobre a nomeação do advogado e informou que a situação é de 'foro pessoal', sem esclarecer para qual gabinete foi feita a nomeação. A assessoria também destacou que, pela legislação relacionada à prática de nepotismo, a nomeação não poderia ocorrer se a vereadora fosse casada com o advogado.

Jornal Midiamax