Política

Secretário de Saúde tem até 2ª para apresentar resultado de sindicância das vacinas

CPI apura sumiço de cerca de 3 mil doses contra H1N1

Midiamax Publicado em 03/11/2016, às 18h46

None
cpi_vacina.jpg

CPI apura sumiço de cerca de 3 mil doses contra H1N1

O secretário Municipal de Saúde, Ivandro Fonseca, tem até a próxima segunda-feira (7) para apresentar o resultado da sindicância instaurada pela pasta para apurar o sumiço de cerca de 3 mil doses das vacinas contra o vírus Influenza H1N1 da rede pública de saúde. A determinação é da CPÌ (Comissão Parlamentar de Inquérito) instaurada na Câmara Municipal para apurar o caso. 

De acordo com Casa de Leis, a deliberação foi feita na manhã desta quinta-feira (3), após nova reunião da CPI, que é composta pelos vereadores Alex do PT, Lívio (PSDB), Chiquinho Telles (PSD), Vanderlei Cabeludo (PMDB) e Edson Shimabukuro (PTB) .

A Comissão Parlamentar de Inquérito já havia solicitado a documentação, no entanto, a Prefeitura encaminhou papeis da Funesp (Fundação Municipal de Esportes), que nada tinham a ver com a Comissão. Na última semana, os vereadores fizeram novamente o pedido, mas o titular da Sesau solicitou a dilação do prazo, o que não foi aceito pelos membros da CPI.

Já a oitiva do secretário, antes prevista para o dia 9 de novembro, foi transferida para o dia 11, a pedido dele próprio. O horário será o mesmo, às 17h, no plenário Edroim Reverdito.

Jornal Midiamax