Política

Puccinelli revela que foi procurado duas vezes, mas disse não a Nelsinho

Ex-governador afirma que PMDB terá candidato

Midiamax Publicado em 25/01/2016, às 09h20

None
nelsinho_trad-andre_puccinelli-gerson_walber2.jpg

Ex-governador afirma que PMDB terá candidato

O ex-governador André Puccinelli (PMDB) nega que tenha fechado parceria com Nelsinho Trad (PTB) com vistas à eleição para a Prefeitura de Campo Grande. O ex-governador confirmou à reportagem que conversou com o petebista, mas afirma que não há acordo.

“O PMDB vai ter candidato próprio”, declarou Puccinelli. Indagado se houve de fato este encontro com Nelsinho, o ex-governador disse que sim, mas negou entendimento e reedição da aliança.

“Ele já veio me visitar duas vezes. Mas, o PMDB vai ter candidato próprio”, declarou. A reportagem insistiu, indagando se Nelsinho pediu apoio a candidatura. “Claro. Ou você acha que ele veio só afagar a mim?”, declarou Puccinelli.

Nelsinho assumiu o PTB recentemente, mas sempre disse que não tinha o retorno à prefeitura como foco. Todavia, nunca negou que pudesse ser candidato, o que acabou criando uma disputa com o irmão, Marquinhos Trad (PMDB), pré-candidato a prefeito.

Os irmãos afirmam que não haverá briga em família nas urnas, mas as investidas de Nelsinho estão desagradando o grupo de Marquinhos. Eles esperavam que Nelsinho recuasse, o que, afirmam, ainda não aconteceu.

Para o grupo de Marquinhos, Nelsinho deveria abrir mão, visto que já foi prefeito por oito anos. Já aliados de Nelsinho entendem que a atuação de Alcides Bernal (PP) contribui para uma possível vitória nas urnas.

Jornal Midiamax