Política

Público vaia Bernal na abertura do desfile do Dia da Independência

Evento começou às 9h

Daiane Libero Publicado em 07/09/2016, às 12h45

None
a8db9764-540e-4275-8c7d-5b04ec5c18cc.jpg

Evento começou às 9h

Logo no início do desfile do Dia da Independência do Brasil, comemorado nesta quarta-feira (7), o público já se pronunciou sobre os políticos presentes através de vaias. Ao subir ao palanque, o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP) foi vaiado por alguns presentes, na avenida 14 de Julho, onde acontece o evento. Sobre a vaia, Alcides Bernal declarou à reportagem que foi para aqueles que estão envolvidos nas operações Lama Asfáltico e Coffe Break e aos que defendem o Cunha [ex-presidente da Câmara Federal]", pontuou. 

O governador do Estado Reinaldo Azambuja, e alguns deputados, candidatos e vereadores como Coronel David (PSC), Cazuza (PP), Cabo Almi (PT), também estavam presentes, aumentando o número de autoridades políticas no evento. No desfile de 26 de Agosto, um número menor de políticos compareceu para prestigiar o evento, que reuniu 60 mil pessoas. Ainda não há estimativa de público deste 7 de setembro. O desfile está previsto para acabar às 11h.

Organizado pelo Governo do Estado, em parceria com o Comando Militar do Oeste (CMO), Prefeitura de Campo Grande e Base Aérea, o desfile traz à avenida os militares das Forças Armadas (Exército, Aeronáutica e Marinha), integrantes da Segurança Pública do Estado (Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros), além de alunos de escolas públicas e privadas. 

Até meio-dia estarão bloqueadas as vias transversais: Rua Antônio Maria Coelho, Maracaju, Cândido Mariano, Dom Aquino e Barão do Rio Branco, no trecho entre a Avenida Mato Grosso e a Avenida Fernando Corrêa da Costa, quando serão desmontados os palanques e arquibancadas, e retomado o fluxo de carros. 

(Matéria editada às 10h46 para acréscimo de informações)

Jornal Midiamax