Política

Prefeito desiste da reeleição e não correrá risco de enfrentar o vice

‘Tenho coisa melhor para fazer’

Midiamax Publicado em 22/02/2016, às 12h03

None
614_2500_1_8070_2710_7381.jpg

‘Tenho coisa melhor para fazer’

O prefeito de Bonito, Leonel Lemos (PDT), resolveu parte do problema que seu grupo político enfrentaria na eleição de outubro. Ele anunciou que não será candidato e, por isso, não passará pelo desagrado de enfrentar o seu vice, Josimail.

O vice-prefeito já havia anunciado desde o ano passado que seria candidato a prefeito, criando um desconforto no grupo, que parece ter chegado ao fim, com a decisão de Leleco de que fechará a carreira política no primeiro mandato.

“Não vou disputar. Tenho coisa melhor para fazer”, disparou o prefeito, quando indagado se disputará a reeleição. Sobre quem apoiar, disse que levará a decisão para seu grupo político, que escolherá quem tem mais chance.

“O que estiver melhor no meu grupo político vai ser”, declarou, citando nomes do vice, Josimail, mas também do ex-prefeito Geraldo Marques, Amir Peres Trindade (PDT) e de Edivaldo Resek (PTC). “Foi uma experiência muito boa, feliz. Passei alegria, dei raiva também”, brincou.

Leleco chegou ao posto de prefeito depois que Geraldo Marques foi eleito e cassado. Eles eram adversários políticos na ocasião. Na eleição suplementar ele acabou derrotando o candidato do PSDB, Odilson Soares, que também deve ser pré-candidato nesta eleição. O ex-prefeito, José Arthur (PMDB), também estuda nova candidatura. 

Jornal Midiamax