Política

Marquinhos terá um minuto de resposta no programa de Alex do PT

Supostas ofensas à honra motivaram representação

Ludyney Moura Publicado em 16/09/2016, às 11h30

None
printpt.jpg

Supostas ofensas à honra motivaram representação

O candidato do Partido dos Trabalhadores à Prefeitura de Campo Grande, vereador Marcos Alex Melo, o Alex do PT, perdeu um tempo de seu programa eleitoral gratuito no Rádio e TV para seu adversário na corrida pelo Paço, o deputado estadual Marquinhos Trad, candidato do PSD.

Trad alegou à Justiça Eleitoral que o petista usou de forma indevida sua imagem, e tentou associar o deputado a escândalos de corrupção em que ele não estaria envolvido, ‘criando estados mentais anormais nos eleitores’.

 “A propaganda busca induzir que o candidato representante estaria ligado aos escândalos de corrupção, com escopo de atingir a honra e a reputação daquele, imputando-lhe, ainda, a peça de corrupto”, diz trecho da representação.

A Justiça acatou o pedido de Marquinhos e determinou a suspensão da propaganda em questão, na qual estaria caracterizado ‘ofensa à honra’.

O candidato do PSD também ganhou um minuto no programa eleitoral do petista como ‘direito de resposta’, a ser veiculado no mesmo período da veiculação da ofensa e sempre no início do programa.

Jornal Midiamax