Justiça encontra imóvel vazio ao tentar notificar empresa de Baird

Ação é sobre a Coffee Break
| 26/08/2016
- 00:18
Justiça encontra imóvel vazio ao tentar notificar empresa de Baird

Ação é sobre a Coffee Break

Ao procurar a , empresa de João Baird, o oficial de Justiça encontrou o imóvel desocupado, segundo consta nos autos da ação que pede bloqueio de bens dos denunciados na Coffee Break. A tentativa foi feita no último dia 16 e a notificação está pendente.

No dia 5 de fevereiro a Mil Tec Tecnologia da Informação Ltda, de propriedade Ricardo Fernandes de Araújo ex-sócio de Baird, publicou comunicação de incorporação integral à sociedade com a Itel que também é investigada pela Lama Asfáltica.

À época a 'nova' empresava já havia conseguido R$ 28,6 milhões em contratos com o governo do Estado. Os serviços de informática são os mesmo que até o ano passado eram executados pela Itel que não conseguiu renovar contrato com o governo a pedido do MPE (Ministério Público Estadual) devido às investigações da Lama Asfáltica.

Tanto Baird quanto a antiga empresa são alvo de ação por improbidade administrativa ingressada pela força-tarefa da operação. A Itel foi baixada em janeiro deste ano justamente após as denúncias de improbidade administrativa em contratações com o poder público.

Veja também

Com convênio de R$ 1,1 milhão envolvendo verba do Estado, a Casa de Leis vai monitorar o assunto

Últimas notícias