Política

Deputado renova licença de mais 15 dias para se dedicar à campanha

Ele concorre à prefeitura de Dourados

Jessica Benitez Publicado em 23/09/2016, às 17h11

None
renato_camara_1.jpg

Ele concorre à prefeitura de Dourados

Na reta final de campanha eleitoral, o deputado estadual Renato Câmara (PMDB) pediu mais 15 dias de licença para se afastar da Assembleia Legislativa por questões pessoais. O peemedebista, candidato à prefeitura de Dourados, já havia apresentado pedido de afastamento por 15 dias em agosto. Ambas as solicitações foram aprovadas em plenário.

De acordo com o presidente da Casa e dirigente regional do PMDB, Junior Mochi, a licença para fins particulares pode ser usada por parlamentares que estão em campanha, já que eles não recebem pelos dias que estão fora.

Ele explica ainda que “só há necessidade de convocação do suplente quando a licença é superior a 120 dias”. Na primeira vez que se ausentou do parlamento, Câmara disse que optou por se afastar para que o trabalho no Legislativo não fosse afetado.

O peemedebista teve candidatura homologada no dia 5 de agosto e desde então tem postado o cotidiano de campanha nas redes sociais. Nessa quinta-feira (22), por exemplo, dia em que a segunda licença foi aprovada, o deputado postou fotos de reunião eleitoral feita na cidade em que é candidato.

“O 15 luta por uma gestão transformadora e participativa. É hora da mudança acontecer em Dourados”, diz a legenda. Ao retornar ligações da reportagem, ele confirmou que os dias fora da Assembleia Legislativa são para se dedicar melhor à reta final da campanha. "Não estou mais saindo de Dourados por conta das caminhadas e compromissos". 

Matéria editada às 15h08 para acréscimo de informações

Jornal Midiamax