Política

Abaixo-assinado contra aumento de salário de vereadores da Capital é criado na internet

Já conta com 3.448 assinaturas

Diego Alves Publicado em 21/12/2016, às 01h12

None
camara_1.jpg

Já conta com 3.448 assinaturas

Um abaixo-asssinado contra o aumento dos salários dos vereadores de Campo Grande foi criado na internet. Feito por uma pessoa de nome Elimar Cristina Almeida Tolentino, o abaixo-assinado já conta com 3.448 assinaturas. Quem quiser acessar e fazer a assinatura é só clicar aqui.

Tramitam na Câmara Municipal dois projetos de leis que preveem a continuidade dos salários dos vereadores, prefeito e secretários nos atuais valores, R$ 15,3 mil, R$ 20,4 mil e R$ 11,6 mil, respectivamente. 

Outro diz respeito somente ao congelamento do atual valor pago ao Legislativo de R$ 15.032 mil. No entanto os textos não garantem que a remuneração ficará nesta média. A intenção é que na hora da votação haja alteração do reajuste salarial, porém que não atinja os R$ 19 mil já aprovados em 2014 e que entra em vigor no próximo mês. 

A votação ocorre em sessão extraordinária convocada para às 9h desta quarta-feira (21). Inicialmente os textos entrariam em pauta na quinta-feira (22), quando acaba este mandato, mas houve antecipação.

Jornal Midiamax