Política

Reinaldo vai buscar professora terena ligada ao PPS para assumir pasta indígena

Professora foi candidata a deputada federal pelo PPS

Midiamax Publicado em 06/01/2015, às 10h59

None
web.audiencia_silvana.jpg

Professora foi candidata a deputada federal pelo PPS

Em reunião nesta segunda-feira (5), o governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), e a secretária de Assistência Social e vice-governadora, Rose Modesto (PSDB), escolheram a responsável pela subsecretaria da População Indígena, criada na gestão do PSDB.

Segundo a secretária Rose Modesto, a subsecretaria será comandada pela candidata a deputada federal pelo PPS na última eleição, Silvana Terena, 39 anos. Caberá a ela conduzir o trabalho, principalmente social, pela comunidade indígena.

“Vamos fazer um trabalho multidisciplinar envolvendo o combate a violência e exploração sexual. Investindo no trabalho e renda, na juventude. Vai ser um trabalho envolvendo todas as áreas dentro da minha secretaria. Antes de definir se é branco, índio ou negro, todo mundo é cidadão”, explicou a vice-governadora.

Rose ressalta o problema da questão fundiária, que passa por uma ação do Governo Federal, que até o momento foi omisso. Ela diz que o Governo do Estado vai fazer a parte dele, mas enquanto este problema não é resolvido, vai cuidar principalmente da questão social que envolve a população indígena.

 A vice-governadora pretende escolher até a próxima sexta-feira os outros responsáveis por coordenadorias na pasta dela. Ainda não estão definidos os subsecretários de Políticas Públicas para Mulheres e Promoção da Igualdade Racial e da Cidadania.

Jornal Midiamax