Política

Presidente do PDT diz que Dagoberto e Orro são nomes fortes para 2016

Partido quer se fortalecer para 2018

Midiamax Publicado em 21/11/2015, às 13h27

None
download.jpg

Partido quer se fortalecer para 2018

Presidente nacional do PDT, Carlos Luppi, em encontro regional do partido, na sexta-feira (20), na Câmara Municipal de Campo Grande, avaliou os nomes do deputado federal, Dagoberto Nogueira, presidente regional da sigla, e do deputado estadual Felipe Orro, como possíveis pré-candidatos do partido a prefeito na disputa do ano que vem.

“São dois nomes fortes, que têm de ser construídos”, disse. Para Luppi, Dagoberto tem experiência e Orro é “competente e jovem”. Os dois parlamentares já demonstraram a intenção de concorrer a disputa de 2016. "Fala-se no meu nome, mas só vou falar sobre eleição a partir de março do ano que vem", disse Dagoberto.

O encontro de ontem reuniu correligionários do partido e teve a intenção de filiar cerca de 20 pessoas, entre prefeitos de cinco cidades e empresários da Capital. Segundo Luppi, a intenção é construir uma chapa forte de vereadores para disputa de 2016, já pensando em 2018, quando o partido pretende lançar candidaturas para governador e presidente.

Em âmbito nacional, Carlos Luppi afirmou que o partido já definiu como pré-candidato a presidente da República, o ex-governador do Ceará Ciro Gomes. Ele foi convidado a participar da reunião de ontem, mas não pode vir a Campo Grande, em virtude do nascimento de seu quarto filho.

Jornal Midiamax