Política

Prefeitura demitirá 220 comissionados para economizar R$ 1,5 milhão

Professores também serão realocados 

Midiamax Publicado em 18/06/2015, às 10h26

None
_mg_4507.jpg

Professores também serão realocados 

A prefeitura continua na busca para reduzir R$ 8,5 milhões em despesas e sair da margem de risco da Lei de Responsabilidade Fiscal. Para isso, nos próximos dias, pretende exonerar mais 220 cargos comissionados e promover a realocação de professores, diz o secretário de Administração Wilson do Prado.

Segundo ele, serão exonerados 220 comissionados, especialmente da função de assessoramento. Antes, ele pretende fazer uma reunião com os secretários para fazer as demissões de um jeito que não prejudique o trabalho.

Além dos comissionados, que devem render economia de R$ 600 mil, a prefeitura pretende voltar para a sala de aula alguns professores que estão apenas vinculados a salas de aula, o que obriga a contratação de outros educadores e aumenta a folha de pagamento.

A expectativa é de que a demissão de comissionados e realocação dos professores gere uma economia de R$ 1,5 milhão, reduzindo para R$ 7 milhões a meta da prefeitura. Já na segunda etapa o secretário pretende levar para as salas os professores que ocupam cargos técnicos e podem ser substituídos por outros profissionais, com um salário menor.

No ano passado, anunciando crise financeira, o prefeito demitiu 228 comissionados, mas ainda é bastante criticado pela oposição. Segundo a vereadora Luiza Ribeiro (PPS), o prefeito demite e contrata novamente, o que não leva a redução de comissionados.

Jornal Midiamax