Pela primeira vez governo contribui para Festa do Leitão em São Gabriel do Oeste

Nova empresa vai produzir 150 toneladas de presunto no município 
| 21/07/2015
- 01:07
Pela primeira vez governo contribui para Festa do Leitão em São Gabriel do Oeste

Nova empresa vai produzir 150 toneladas de presunto no município 

O Governo do Estado vai contribuir com R$ 55 mil para a realização do 8ª Festoeste (Festival da Canção de São Gabriel do Oeste) realizado durante a 22ª edição da Festa do Leitão no Rolete em São Gabriel do Oeste, a 133 quilômetros de Campo Grande. Na tarde desta segunda-feira (20) um convênio foi assinado entre a prefeitura do município e o Governo.

Segundo o prefeito de São Gabriel do Oeste, Adão Rolim (PR), mais de 100 pessoas se inscreveram no Festival e há final será no sábado (1º de agosto), quando começa a festa do leitão. “Nós temos que unir esforços para conseguir fazer cada ano uma festa melhor”.

Rolim agradeceu o apoio do Governo e destacou que 40% da economia do município é da suinocultura, sendo que mais de 10% da população trabalha no ramo. Para a festa do leitão a expectativa é de que 300 leitões sejam assados e consumidos pelos moradores e turistas que foram ao município.

O Governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), reiterou que a festa agrega valor cultural a Mato Grosso do Sul e mesmo ajudando com pouco recurso a intenção é valorizar os festivais. “Tem que ajudar todas as festas tradicionais, conseguimos criar uma estrutura e um apoio financeiro que ajuda aqueles que fazem a festa terem outros atrativos para receber as pessoas”.

Segundo o presidente o presidente da Cooasgo (Cooperativa Agropecuária São Gabriel do Oeste), Jair Borgmann, disse que para realizar a festa do leitão é necessário o investimento de R$ 1 milhão e que a ajuda do Governo para o Festoeste é de suma importância para os cooperativados.

“Em São Gabriel são abatidos três mil suínos por dia, esse número vem crescendo e deve aumentar”.

Investimento

De acordo com Rolim, a empresa Aurora deve inaugurar uma indústria de produção no dia 1º de agosto que será a segunda maior linha de produção de presunto do mundo. “Serão produzidas 150 toneladas de presunto por dia. Nós damos retorno para o Estado e agradecemos o investimento do governo”, concluiu.

Veja também

Ato da Câmara proíbe referências diretas a candidatos três meses antes das eleições

Últimas notícias