Ouvidora-geral da Capital desiste de demissão e permanece na Prefeitura

Jacqueline quer dar continuidade a projetos
| 24/07/2015
- 19:54
Ouvidora-geral da Capital desiste de demissão e permanece na Prefeitura

Jacqueline quer dar continuidade a projetos

A ouvidora-geral de Campo Grande Jacqueline Hildebrand Romero, que anunciou sua demissão há poucos dias, deve permanecer na Prefeitura. A decisão foi comunicada nesta quinta-feira (23) ao prefeito Gilmar Olarte.

Jacqueline, que sairia da Ouvidoria para cuidar do seu escritório de advocacia e projetos pessoais, disse que desistiu da demissão para dar continuidade ao seu trabalho, iniciado com o então vereador Alcides Bernal.

“Eu que escrevi o projeto da Ouvidoria e o Bernal, na época vereador, colocou em votação. Lutamos por ele, e quando o Bernal assumiu foi colocado em prática. Agora, com o Olarte, tem vários projetos em andamento”.

A ouvidora disse que todo o trabalho é desenvolvido por uma equipe técnica, que poderia ser mudada por um eventual substituto. “É um trabalho que gera demanda e sacrifícios. Conversei com a minha família e vou continuar a não ter finais de semana, meu irmão vai tocar o escritório de advocacia que tenho com ele. Mas foi uma decisão que tomei e tive toda a liberdade para escolher. Estou muito feliz em continuar na Prefeitura”.

No dia 5 de agosto, Jacqueline fará parte de um encontro da Rede de Ouvidoria do Estado. “É uma iniciativa em conjunto com o Ministério Público que mostra o trabalho da Capital e como ele pode ser implantado em outras cidades, mostrando como a Ouvidoria é importante para a população”, finalizou. 

Veja também

Projeto já recebeu três pedidos de vistas e está na ordem do dia desta quinta-feira (11)

Últimas notícias