Política

Oposição quer que MPE peça divulgação de salários dos 16 mil servidores

Para vereadores, todos os salários da Prefeitura devem ser divulgados

Evelin Cáceres Publicado em 23/06/2015, às 14h33

None
img-20150623-wa0030.jpg

Para vereadores, todos os salários da Prefeitura devem ser divulgados

Os vereadores que atuam na oposição na Câmara de Campo Grande avisaram nesta terça-feira (23) que vão pedir ao MPE (Ministério Público do Estado) para fiscalizar o cumprimento da transparência na Prefeitura, solicitando a divulgação dos salários dos 16 mil servidores.

Para o vereador Alex (PT), há muito tempo é questionado o número de comissionados e seria bom para a Prefeitura divulgá-lo. “Nada melhor que a transparência para que a gente possa aferir o tamanho da crise”.

A oposição faz estudo jurídico para pedir essa representação de publicação do salário dos comissionados, baseada na divulgação dos rendimentos dos professores da Rede Municipal de Ensino.

E a Câmara?

Na página da Câmara Municipal na internet não há informações sobre quanto ganha cada um dos parlamentares e servidores. O último dado no portal de transparência da casa é referente ao pagamento do mês de maio, revelando gasto total de R$ 3,1 milhões com pessoal.

Pelas informações disponibilizadas, nos últimos 12 meses, a Câmara gastou R$ 41,2 milhões com ‘despesas de pessoal’.

Também é possível ver, no portal de transparência da Câmara, dados como a relação de cargos e a composição remuneratória, a relação nominal dos estagiários e dos comissionados, ambas sem as respectivas remunerações. O mesmo ocorre com relação aos efetivos.

Jornal Midiamax