Política

Nova direção da Câmara Municipal fala em retomar crescimento de Campo Grande

Durante a sessão, também foram empossados os vice-presidentes e secretários

Midiamax Publicado em 01/01/2015, às 17h51

None
img-20150101-wa0050.jpg

Durante a sessão, também foram empossados os vice-presidentes e secretários

Durante a sessão de posse da nova mesa diretora da Câmara Municipal de Campo Grande, na tarde desta quinta-feira (1º), o presidente reconduzido ao cargo, vereador Mario Cesar (PMDB), disse esperar que esse novo mandato faça com que o crescimento de Campo Grande seja retomado. “Todos nós precisamos disso”, declarou o presidente.

Ainda durante a sessão, que foi presidida pelo vereador João Rocha (PSDB), também foram empossados os vice-presidentes e secretários. Como vice-presidentes, ficaram os vereadores Flávio César (PTdoB), Thais Helena (2ª vice-presidente/PT) e Paulo Pedra (3º vice-presidente/PDT). Como secretários ficaram os vereadores Delei Pinheiro (1º secretário/PSD), Carlão (2º secretário/PSB) e Chocolate (3º secretário/PP).

O prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP), também esteve na solenidade e declarou que, graças aos vereadores, a cidade está em uma situação melhor que na administração passada: “A Câmara tomou as medidas necessárias no dia 12 de março de 2014 (dia em que o ex-prefeito Alcides Bernal foi cassado), salvando Campo Grande de uma situação difícil. Tudo que tinha que ajustar já foi avançado, foram aprovados todos os projetos importantes para Campo Grande”.

Danças das cadeiras

A nova mesa diretora da Câmara foi empossada para os anos de 2015-2016. Mas a chamada nova mesa não tem muita inovação, o presidente, primeiro vice-presidente, primeiro secretário e segundo secretário continuaram os mesmos, vereadores Mario Cesar, Flavio Cesar, Delei Pinheiro e Carlão, respectivamente.

Com mudança de cargo, aparece o vereador Paulo Pedra, que antes era terceiro secretário e nesta gestão vai ocupar o cargo de terceiro vice-presidente. Entre as inovações, estão a vereadora Thais Helena e o vereador Chocolate. Já os que não fazem mais parte da mesa diretora são os vereadores Paulo Siufi (PMDB) e Alceu Bueno (PSL). 

Jornal Midiamax