Líder do PMDB vai propor saída da base e independência na gestão de Olarte

Parlamentar descarta compor oposição
| 07/05/2015
- 14:24
Líder do PMDB vai propor saída da base e independência na gestão de Olarte

Parlamentar descarta compor oposição

O líder do PMDB na Câmara, vereador Vanderlei Cabeludo, quer fazer nova reunião da bancada nesta quinta-feira (7) para discutir o futuro do partido em relação a gestão do prefeito (PP). Na reunião o líder quer propor uma mudança de comportamento para o partido.

“Vou levar na reunião uma proposta para o partido se declarar independente, mas não oposição. Temos que acreditar por causa de Campo Grande, por todas as dificuldades que está passando. Não pode abandonar agora, senão é um caos para todo mundo”, avaliou.

O vereador ressalta que a Câmara não deve tirar o prefeito, o que não justifica uma oposição pesada. “Não é dizer: vou tirar, tirar e tirar. Não é assim. Tem todo um processo. E outra: o Município fica sem crédito e atrasa tudo” justificou.

O PMDB ainda está bastante dividido em relação a gestão de Olarte. O partido tem o vereador Edil Albuquerque como líder do prefeito, mas Carla Stephanini, por exemplo, tem feito duras críticas a gestão.

 Também pesa contra a decisão o fato de Paulo Siufi e Mario Cesar terem colocado o nome à disposição do partido para disputar a prefeitura no ano que vem podendo ser até adversário de Olarte.

O vereador Dr. Loester também tem voto favorável ao prefeito Gilmar Olarte. Ele só está no cargo porque o prefeito nomeou Dr. Jamal como secretário de Saúde. Se Jamal deixar o cargo, Loester volta a ser suplente. Esta ameaça tem feito o vereador votar sempre a favor do prefeito.

 

 

Veja também

Segunda parcela do FPM deve ser paga nesta sexta-feira (19)
Charge

Últimas notícias