Política

Última sessão comunitária do semestre começa com apenas sete vereadores na Capital

A última sessão comunitária do semestre em Campo Grande, que acontece nesta quarta-feira (30) na Escola Municipal Carlos Vilhalva Cristaldo, no Bairro Jardim Aeroporto, começou com apenas quatro dos 29 vereadores da Câmara municipal. Um desapontamento para a população, que compareceu em peso. Crianças e adultos acompanham a sessão presidida pela vereadora Carla Stephanini (PMDB)...

Arquivo Publicado em 30/04/2014, às 13h18

None
777785849.jpg

A última sessão comunitária do semestre em Campo Grande, que acontece nesta quarta-feira (30) na Escola Municipal Carlos Vilhalva Cristaldo, no Bairro Jardim Aeroporto, começou com apenas quatro dos 29 vereadores da Câmara municipal. Um desapontamento para a população, que compareceu em peso.


Crianças e adultos acompanham a sessão presidida pela vereadora Carla Stephanini (PMDB), já que nenhum membro da Mesa Diretora foi ao bairro hoje, nem o presidente da Casa de Leis, vereador Mario Cesar (PMDB). Além dela, Loester Nunes (PMDB), Airton Araújo (PT) e Zeca do PT marcaram presença.


Além da falta da maioria dos parlamentares, a população teve que enfrentar um atraso de 50 minutos no início da sessão, considerado comum na maioria dos encontros dos vereadores fora da Câmara.


Após o início da sessão e de a população cantar o Hino Nacional, chegaram os vereadores Edson Shimabukuro (PTB), Paulo Pedra (PDT) e Chiquinho Teles (PSD).


O fim das sessões nos bairros aconteceu logo após um líder comunitário desafiar os vereadores a fazerem o evento no lixão. A Câmara desmentiu que este pudesse ter sido o motivo para o cancelamento dos eventos e optou por realizar audiências públicas.

Jornal Midiamax