Política

Em três decisões, Justiça tira 26 segundos da propaganda eleitoral de Nelsinho

Em três decisões, a Justiça Eleitoral retirou 26 segundos do horário eleitoral da coligação ‘MS Cada vez melhor’, que engloba PMDB, PSB, PTdoB, PSC, PHS, PRB, PRTB, PTN e PEN. Em todas, a irregularidade apontada é a ocupação pelo candidato majoritário, Nelsinho Trad, no tempo destinado aos proporcionais – deputados federais ou estaduais. As três […]

Arquivo Publicado em 30/08/2014, às 13h22

None

Em três decisões, a Justiça Eleitoral retirou 26 segundos do horário eleitoral da coligação ‘MS Cada vez melhor’, que engloba PMDB, PSB, PTdoB, PSC, PHS, PRB, PRTB, PTN e PEN. Em todas, a irregularidade apontada é a ocupação pelo candidato majoritário, Nelsinho Trad, no tempo destinado aos proporcionais – deputados federais ou estaduais.

As três ações foram propostas pela coligação ‘Mato Grosso do Sul com a força de todos’, que é encabeçada pelo candidato do PT ao governo, senador Delcídio do Amaral. Os adversários já conseguiram pelo menos outras duas decisões desfavoráveis ao grupo do peemedebista.

Conforme publicado na noite de sexta-feira (29) no mural eletrônico do TRE (Tribunal Regional Eleitoral), a coligação MS Cada vez melhor infringiu a legislação ao incluir, entre as propagandas de candidatos da proporcional, vídeo com a inscrição ‘Nelsinho 15’ e sinal de positivo.

As decisões deverão ser cumpridas nos dias 1º, 2 e 3 de setembro. Duas delas em canal específico, outra em rede, todas durante o horário inicialmente destinado ao candidato majoritário, ou seja, Nelsinho Trad.

No tempo especificado, deverá constar apenas a mensagem “Tempo perdido pela Coligação MS Cada Vez Melhor (PMDB, PSB, PTdoB, PSC, PHS, PRB, PRTB, PTN e PEN) por infringência ao art. 43 da resolução TSE nº 23.404/2014, conforme determinação da Justiça Eleitoral”.



Jornal Midiamax