Política

Base de apoio a Gilmar Olarte na Câmara Municipal poderá chegar a 26 vereadores

A grande maioria dos 29 vereadores faz parte da base de apoio do novo prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte. Apenas três vereadores são declaradamente oposição ao prefeito: Paulo Pedra (PDT), Luiza Ribeiro (PPS) e Thaís Helena (PT) – ex-secretária na gestão do prefeito anterior, Alcides Bernal, que foi cassado. O trio tem feito declarações […]

Arquivo Publicado em 26/03/2014, às 14h47

None
915877803.jpg

A grande maioria dos 29 vereadores faz parte da base de apoio do novo prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte.

Apenas três vereadores são declaradamente oposição ao prefeito: Paulo Pedra (PDT), Luiza Ribeiro (PPS) e Thaís Helena (PT) – ex-secretária na gestão do prefeito anterior, Alcides Bernal, que foi cassado. O trio tem feito declarações públicas contra a cassação do prefeito por nove crimes e questionado a legitimidade do mandato de Olarte.

A bancada do PT ainda não definiu como irá se posicionar a respeito do novo prefeito. Zeca do PT e Airton Araújo declararam que vão seguir a orientação do partido.

No PP, partido do atual e do ex-prefeito, Cazuza ainda não se manifestou sobre qual será a sua atitude em relação a Olarte. Já Chocolate tem dado demonstrações claras de que é a favor do novo prefeito.

O cenário é o oposto do vivenciado por Bernal, acusado por várias vezes de ser centralizador e de não escutar ninguém.

Vários vereadores têm participado das agendas públicas de Gilmar Olarte, em uma demonstração pública de apoio ao novo prefeito.

Carla Stephanini (PMDB), Mario Cesar (PMDB) e Edson Shimabukuro (PTB) estão entre os vários vereadores que têm acompanhado Olarte nas agendas públicas.

Por conta de seu posicionamento contundente a favor do chefe do Executivo, Airton Saraiva (DEM) chegou a ser apontado como possível novo líder do prefeito na Câmara, mas teve o nome descartado por Olarte para o cargo.

E a tendência é de que as bancadas de PMDB, PSDB, PSD e PTdoB permaneçam na base do novo prefeito.

Jornal Midiamax