Política

Para tucano, serviços pioraram porque Bernal é egocêntrico e centralizou poder de decisão

A queda na aprovação popular dos serviços públicos apontada na pesquisa Ibrape/Midiamax é fruto do egocentrismo do prefeito Alcides bernal e nomeação de servidores sem condições técnicas. A afirmação é do deputado estadual Rinaldo Modesto (PSDB) que avalia os dois aspectos como motivos principais pela queda na qualidade de serviços. O deputado pontuou ainda que […]

Arquivo Publicado em 01/11/2013, às 13h50

None
1534284798.jpg

A queda na aprovação popular dos serviços públicos apontada na pesquisa Ibrape/Midiamax é fruto do egocentrismo do prefeito Alcides bernal e nomeação de servidores sem condições técnicas. A afirmação é do deputado estadual Rinaldo Modesto (PSDB) que avalia os dois aspectos como motivos principais pela queda na qualidade de serviços. O deputado pontuou ainda que a pesquisa ratifica aquilo que ele já vinha sentindo em relação a administração atual.

Para Rinaldo, o prefeito Alcides Bernal (PP) quando assumiu, nomeou muita gente sem condições técnicas para dar eficiência que o serviço público exige. “Tem pessoas colocadas em lugares para os quais não são qualificadas. Isso prejudica o andamento da máquina pública que exige certa eficiência”, analisa.

O deputado disse ainda que há o outro lado. Para ele, o problema maior é que Bernal trabalha como gestor egocêntrico, centralizando todo o poder em suas mãos.

“Ele (Bernal) é egocêntrico, não permite descentralização do poder. Então, mesmo que a pessoa seja um bom profissional, não consegue demonstrar. Essa característica inviabiliza e engessa o trabalho e como o serviço público exige agilidade, esse comportamento do prefeito acaba prejudicando a prestação de serviço à população”, afirma.

Rinaldo faz questão de dizer que a pesquisa confirma o que ele mesmo já vinha analisando em suas andanças pela cidade e o que tem sido posto ao partido. Para ele, o serviço de lixo só se manteve porque é tocado por empresas com anos de mercado.

“A pesquisa com certeza ratifica aquilo que eu particularmente já venho observando e o que nós vínhamos discutindo dentro do partido. E digo mais: o serviço de coleta de lixo só está bem avaliado porque é um serviço consolidada de empresas que estão há muito tempo no mercado. Por isso se manteve bem avaliado”, finalizou.

Dos serviços públicos avaliados pela Ibrape/Midiamax somente a coleta de lixo manteve a qualidade, com a população avaliando que já era boa na administração do ex-prefeito Nelsinho Trad (PMDB). Foram reprovada área da saúde, assistência social, trânsito, conservação de ruas e avenidas.

O Ibrape realizou 442 entrevistas entre os dias 21 e 24 de outubro, com cidadãos com idade igual ou superior a 16 anos, observando cotas amostrais por sexo, faixa etária, formação escolar, rendimento mensal, religião, atividade e localização geográfica ( Centro, Norte, Sul, Leste e Oeste). A margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos.

Jornal Midiamax