Política

Câmara suspende sessão para ouvir assessora de Bernal sobre declaração no Facebook

Os vereadores da Câmara de Campo Grande suspenderam a sessão desta quarta-feira (18) para ouvir a assessora de comunicação da Prefeitura de Campo Grande, Marcia Scherer, sobre a declaração que ela teria feito via Facebook ontem e que causou mal estar entre os vereadores. Airton Saraiva (DEM) convocou a assessora para reunião com os vereadores […]

Arquivo Publicado em 18/12/2013, às 14h26

None
150351986.jpg

Os vereadores da Câmara de Campo Grande suspenderam a sessão desta quarta-feira (18) para ouvir a assessora de comunicação da Prefeitura de Campo Grande, Marcia Scherer, sobre a declaração que ela teria feito via Facebook ontem e que causou mal estar entre os vereadores.


Airton Saraiva (DEM) convocou a assessora para reunião com os vereadores na sala reservada da Casa. Ela foi acompanhada de outros dois funcionários, Ana Rita Amarilha e o Superintendente de Comunicação Djalma Jardim.


Segundo o vereador, a assessoria teria postado no Facebook a seguinte frase: “falaram: ou você dá o dinheiro, ou você não vai governar. Nós vamos bagunçar seu orçamento e nós vamos tentar te afastar de todas as formas”, diz o prefeito. “Eu resolvi não dar. Eu prefiro ser cassado do que implementar a corrupção que era antes aqui, que acontece no Brasil todo”.


Vereadores ficam revoltados com postagem


Os vereadores não gostaram nem um pouco da postagem da assessora. Grazielle Machado (PR), relatora do orçamento que já fez várias críticas ao executivo, relatando erros formais nos textos, frisou que o trabalho dela é pautado pela ética.


Para Vanderley Cabeludo (PMDB), ela escreveu “a mando do prefeito”. Cabeludo citou que Bernal criticou o judiciário recentemente. “Na minha opinião, Bernal é um desequilibrado”, disse.


A assessora se explicou pelo Facebook alegando que a frase não se referia a Campo Grande.


“Postei uma frase hoje pela manhã, que copiei de uma matéria da revista Carta Capital, a respeito do prefeito de Itaocara/RJ. NÃO ERA SOBRE CAMPO GRANDE!!!! É claro que a postagem foi de certa forma maldosa, pois não citei a fonte, mas NÃO era sobre Campo Grande. Por isso peço Desculpas aos vereadores e bancadas que se sentiram ofendidos, pois se no afã de fazer uma brincadeira de mau gosto acabei ofendendo sua honra, não foi minha intenção. Se for preciso vou até a Câmara e faço minha retratação pessoalmente”, comentou ontem.

Jornal Midiamax