Política

Zeca acredita em PT no segundo turno e chama Puccinelli de desequilibrado

Para Zeca o PT vai eleger cinco candidatos e pode chegar ao segundo turno

Arquivo Publicado em 07/10/2012, às 15h05

None
832272133.jpg

Para Zeca o PT vai eleger cinco candidatos e pode chegar ao segundo turno

Por volta das 11h30, o candidato a vereador Zeca do PT votou no Colégio Osvaldo Cruz e se disse confiante nas urnas. Ele foi à seção eleitoral acompanhado da esposa, Gilda dos Santos, e registrou o voto rapidamente. “O PT é um partido de chegada e pode surpreender muita gente com o Vander no segundo turno na prefeitura”, afirmou. O ex-governador acredita que o PT vá eleger cinco vereadores nestas eleições.

Sobre o fato de estar liderando as pesquisas para o cargo de vereador, Zeca afirmou que é reflexo do trabalho que realizou quando governador. “Agora volto à vida política humildemente como vereador”, disse.

O candidato ainda comentou as provocações do governador do Estado André Puccinelli, quando afirmou que cortaria órgão genital caso Zeca conseguisse 30 mil votos. “Não fiz minha campanha pensado nele. Ele deve ter dito isso em um momento de calor, o que mostra que ele é desequilibrado e destemperado”, comentou.

Zeca do PT ainda reclamou da postura do MPE (Ministério público Estadual) sobre investigações em pichações contra sua candidatura e do candidato à Prefeitura de Campo Grande Alcides Bernal (PP). “As pichações me chamavam de ladrão e o Bernal de agiota. Eu passei os nomes de quem fez e o MP não foi atrás, o porquê eu não sei”, alfinetou.

Jornal Midiamax